Relíquias da Casa Velha – Bairro Rosário

Foto: Wikipedia

Tem reportagens que são um desafio. Estou na faculdade ainda, mas sei bem. Véspera de feriadão e precisava produzir uma reportagem para o Relíquias da Casa Velha, do Programa Na Boca do Monte, da Rádio Universidade. A ideia do quadro é mostrar a história de Santa Maria através de temas como cineclubes (veja aqui), prédios, lojas, entre outros. Escolhemos os bairros e a minha missão era contar a história do Rosário, onde nasci, cresci e minha família também. Mesmo fazendo parte dele, nem sabia por onde começar. Internet pouco deu resultado. Os locais mais icônicos estavam fechados por causa do feriado. O que restou (e a parte mais legal) foi bater de porta em porta. Primeiro na Igreja, porque não dava para levar o “porta em porta” literalmente, né? Na Igreja do Rosário, encontrei três mulheres muito atenciosas que me cederam um guia com o histórico da Igreja e números de alguns moradores que poderiam me contar a história do bairro. Aí parti pro bater “porta em porta”. Alguns não se sentiram à vontade para ser fonte e passaram para outros. Fiquei o feriadão batendo de “porta em porta” e tendo essas portas e o coração dos moradores abertos para mim. Por isso tudo eu agradeço a quem me abriu a porta, quem passou um contato, quem dividiu suas memórias e acrescentou tanto às minhas. Vivo aqui há 22 anos e só em 2010 abri meus olhos para o que tem atrás das portas, o que aconteceu há muito mais do que 22 anos, o que havia aqui nessa terra muito antes de mim. O que fiquei sabendo, o que o gravador não pode registrar, é uma história que tem um pouco de garra, de fé, de amor e de partilha. Entre passagens sobrenaturais, lutas de cor e de classe e muitos filhos e filhas, o Rosário se fez. E eu tenho orgulho.

Baixe ou ouça aqui.

Marca

Um obrigada especial também à Giane Escobar, do Museu Treze de Maio, que também abriu a porta para mim e contou a história de um dos ícones do bairro que é o Museu. Não deixem de conhecer esse ponto em que a história e preservação da identidade negra são trabalhadas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s